Plano Bê: um dia

Long Road Desktop Background

Mais um fim de semana se passou e você continua curtindo sua vida. Vai lá, deita a cabeça no travesseiro confiante de que tem um coração que está sempre te esperando e que você sempre tem a escolha de voltar correndo para aquele abraço caso tudo der errado. Confiante de que têm beijos doces, chocolate quente e amor desmedido que estão a qualquer hora do dia ou da noite à sua disposição quando você se cansar desse mundo vazio.

Aproveite essa sensação de navio livre em alto mar que tem um cais seguro para voltar a procura de calmaria e paz caso a tempestade se torne intransponível.

Você se esquece de que nada esta sob o controle de ninguém. Considere algumas variáveis e entenda que não vai ser sempre assim. Um dia ela vai seguir em frente e você terá que saber lidar com isso também.

Um dia vai chegar alguém disposto a sugerir que ela troque amores platônicos por amores reais. Ela vai refletir sobre tudo que fez por você sem nenhum resultado e vai topar.

Um dia alguém vai fazê-la rir de um jeito que ela nunca sorriu para você. Você vai assistir ela se apaixonar, vai ver o coração dela descobrindo, aos poucos, que pode se livrar de você até que ela finalmente te deixe para trás sem nenhum pingo de remorso. Ela vai seguir em frente.

Os olhos dela estiveram sempre no horizonte e se encheram de fins de tarde sem te ver voltar. Mas algum dia a fechadura da porta da frente (da casa e do coração) será trocada e a nova chave estará em posse de outra pessoa. Talvez alguém que se interesse pela coleção de livros dela e tenha prazer em passar o tempo em sua companhia. Você não vai poder fazer nada quando ela decidir seguir em frente.

Ela é sempre sua última opção para ocasionais domingos à tarde. Mas um dia vai chegar alguém que se importa. Alguém que fará questão de reservar, já na segunda-feira de manhã, a companhia dela para o sábado seguinte. Ela vai se sentir valorizada. Neste dia, ela vai seguir em frente.

Um dia seu porto seguro será praia de outro amor. Ela vai mudar o tesouro de lugar e o mapa, que hoje você tem, já não levará a lugar nenhum. Alguém vai chegar com o mapa certo, encontrar e usufruir de toda a riqueza do amor que sempre esteve guardado à sua espera. Neste dia ela vai entregar tudo e se livrar da sua lembrança como a gente se livra de um peso. Como a gente se livra dos sapatos no fim de um dia cansativo. Esse dia vai chegar e, neste dia, ela vai seguir em frente.

Bethania Davies

Solidão em paz

solidão em paz

A solidão em paz é a melhor coisa que pode acontecer a um coração. Só você e mais ninguém. Ninguém no mundo que poderia te ligar e arrancar um suspiro desse peito ou um sorriso bobinho dessa boca. Nenhuma entrelinha de mensagem de texto para interpretar ou te fazer ficar horas tentando decifrar. Nenhum silêncio gritando nenhum nome. Nenhuma palavra solta no ar. Nenhum fim para temer e nenhum começo para te prender. Nenhum telefone anunciando um dia inteiro de espera frustrada. Nada pra esperar. Só você por você mesmo. Não há nada de errado com a solidão, vocês podem ser melhores amigas se aprenderem a respeitar os espaços uma da outra. Na verdade no final você até simpatiza com ela. Acordar todos os dias pra você mesmo pode ser uma das melhores escolhas da sua vida se você se convencer de que a paz que procura ninguém pode te dar, exceto você mesmo. Se você souber que nem todo mundo que está acompanhado é feliz. Na verdade existe mais solidão a dois do que gente querendo ganhar na sena. A propósito sempre ouvi dizer que o amor é uma loteria. Nunca entendi direito, pois se considerarmos a quantidade de quem ganha lá e aqui, vamos ver que o amor é bem mais fácil. E depois o amor não é um jogo, ele é a mesa, a base, o centro, ele sempre esteve lá. Somos nós, na nossa concepção de seres desenvolvidos que começamos a mudar tudo de lugar e fizemos essa bagunça. Temos medo da solidão quando devíamos agradecê-la por existir. É ela quem dispensa todas as forças pra te dar um pouco de paz entre uma loucura e outra que você comete. Porque a gente sempre promete, mas nunca consegue ficar muito tempo sem se meter em encrenca. Se você tem medo da solidão é sinal que não é um bom administrador de sentimentos. Pois, a solidão sadia é tipo arrumar seu quarto bagunçado. Você entra, fecha a porta e começa a faxina. Quando ele está pronto, você fica tão orgulhoso do bom trabalho que fez que não quer deixar ninguém entrar por um bom tempo. Fica ali curtindo aquela paz. Aquele lugar que antes era só turbulência agora está limpo e reconstruído, e isso é mérito seu. Aproveite.

Bethania Davies

Foto: reprodução.

Plano Bê: Pra dar certo

Fullscreen capture 27032014 150649

Dois dias, um bom livro e um café; e eu estarei inteira. Dois dias, meu bem, é o tempo que dura minha loucura. Sou instantânea em me apaixonar, é verdade, eu gosto fácil, fácil. Fico ansiosa, olho pro celular, fico mais ansiosa, volto a olhar pro celular, me chamo de burra, continuo olhando pro celular como se ele fosse tocar a qualquer momento, volto a afirmar o quanto sou uma molenga por estar me sentindo assim. E essa sequência de sentimentos inúteis se segue ao longo do meu dia. Mas daqui a dois dias eu estarei de volta ao meu estado normal.
É eu tô meio afim de você mesmo, de bandeja, mas, não te falo. Por que eu sempre falo tudo mesmo, não sei esconder a verdade, todo mundo já sabe que quando eu gosto eu falo, mas pra você não, dessa vez não, porque todas as vezes que falei eu estraguei tudo. Incrível como os homens têm medo de mulher sincera. E com você eu quero que seja diferente, não quero assustar mais um, não você. Não quero esse sorriso lindo andando numa direção oposta a mim. Por isso vou deixar você fazer seu papel e tudo acontecerá do jeito que tem que acontecer. Já falei pra mim: “segura… segura, não fala, não convida pra sair, não assusta o moço” deixa ele ser o homem… Hahaha engraçado isso. Tá bom! Em nome do “felizes para sempre” que um eventual futuro nos reserva, vou esperar você dar o primeiro passo. Só dessa vez, sabe por quê? Você vale a pena!

Bethania Davies

Foto: reprodução.

Plano Bê: é você

Captura de tela inteira 06032014 163035

E quando eu olho pra trás, e vejo todos os caras que eu quis tão desesperadamente quanto quero você, eu percebo que depois de um tempo eles deixaram de ser tudo que eu queria, e começo a pensar que com você vai ser igual.
Seria igual se você não estragasse tudo cada vez que chega com esses dentes tão brancos, sorrindo pra mim. Seria se você não me desarmasse quando passa tão lindo, tão leve. Aí eu concluo: não vai passar.

O que você fez comigo? Sabe, todo mundo tem alguém por quem deixaria tudo, alguém que lá no fundo a gente pensa com carinho e até chora quando as luzes se apagam. Quem é o seu alguém? Porque o meu é você. É você que eu sonho, desenho, redesenho e não canso de olhar. É você, eu sei, não vai passar!

Bethania Davies

Foto: reprodução.

Plano Bê: Conto de fadas

first-quote-happily

Se ela pedir “por favor”, faça. Se ela demorar uma hora pra ficar pronta, elogie. Se ela pedir atenção, dê. Se ela se prontificar a ajudar, confie. Acredite: por mais que queiramos pagar de moça delicada e frágil, nós sabemos trocar lâmpadas, tomadas, pneus, cortar a grama e etc., a gente se vira! Se ela disser “eu te amo” a sua resposta deve ser “eu te amo”, nunca responda eu também. É simples, nós não queremos muita coisa, não precisa presente caro não, a gente só quer saber que vocês se lembraram de nós a ponto de desejar um bom dia. A gente só quer saber que o passeio pelo parque, que o banho de chuva, que a parada na beira da estrada pra olhar a paisagem é mais importante que a merda da pintura nova do seu carro. A gente só quer que haja diálogo, reciprocidade, parceria na hora de decidir. Uma mulher precisa conversar, trocar ideias, saber que você se interessa pela sua causa como nós nos interessamos (ou pelo menos fingimos) querer saber como está indo seu time no campeonato. Não é assunto do nosso agrado, e não entendemos nada de futebol, mas perguntamos pra mostrar que vocês podem contar conosco.

Ah as mulheres… Sempre romantizando tudo, mas se não for assim onde vai parar o amor? Vai se perdendo aos poucos nas palavras não ditas que machucam tanto, vai sumindo nos olhares silenciosos. Vai desaparecendo naqueles beijos de bom dia, que começam a serem dados tão vagamente, sem paixão. Enfraquece cada dia com aquelas meias espalhadas pela casa e as calcinhas penduradas no box do banheiro.  Não é assim que a gente sonhou, a vida e o amor não são contos de fadas, sabemos, mas queremos adiar reconhecer isso o máximo possível. Então, custa dar uma forcinha pra nossa imaginação? Ajude a manter o brilho dos olhos até nós termos certeza de que escolhemos o sapo certo.

“Vamos viver tudo que há pra viver” diz a música, então, será que dá pra adiar a cena de ficarmos sentados um ao lado do outro olhando o horizonte sem dizer nada pra quando tivermos 80 anos? Agora eu quero tudo com você. Feliz pra sempre, agora.  Parceria, pele arrepiada e cabelo bagunçado. Beijo apaixonado, céu enluarado e você do lado. Agora.

 

Bethania Davies