Está na minha playlist favorita

Minha playlist favorita sempre é repleta de louvores! Amo ouvir melodias que tocam o meu coração e com letras que me inspiram e edificam.

Você sabia que Deus gosta quando cantamos para Ele? Os louvores também são uma forma de oração. Uma maneira de nos conectarmos com Deus.

Tá aí uma super dica: quando você não souber como orar, ouça um louvor e faça dele suas palavras.

Sempre que der vou trazer sugestões de músicas que gosto de ouvir, combinado? 😉

Aqui estão as escolhidas de hoje!

Me Leva pra Casa – Israel Subirá

Minha Essência – Thiago Brado

O Amor do nosso Deus / Podes falar, Senhor – Raphael Camelo Cover

Deus abençoe vocês ❤

2017 começou!

Feliz ano novo genteeeee!!! Depois de um tempinho meio “off” por aqui, cá estou eu novamente! 🙂

As correrias de final de ano (trabalho, festas e parentes) me consumiram e não sobrou tempo para escrever posts legais para vocês. Então, eu sou da opinião que se é fazer uma coisa de qualquer jeito, melhor nem fazer.  Concordam?

Agora que o ano já começou é hora de voltar o foco! Estou cheias de ideias legais para trazer e compartilhar com vocês por aqui. Mas antes de mais nada, vamos começar o ano agradecendo e trocando energia boa!

Muito obrigada você, minha leitora linda, que me acompanha por aqui! Desejo que este seu novo ano seja repleto de amor, luz, muita fé e claro, muita Ana, né? hahaha!

Vamos juntas fazer um 2017 incrível? ❤

sem-titulo-1-copiar

Plano Bê: você está a um milímetro

aUm jogador de golfe sabe exatamente onde está o seu alvo. Depende somente dele calcular o local onde precisa bater na bola para acertar. Ele sabe que errar o cálculo na hora da batida pode resultar em fracasso total, pois um milímetro aqui, já não é o mesmo “um milímetro” cem metros mais a frente. Matematicamente falando, um erro de um milímetro fará com que a bolinha se distancie gradualmente cada vez mais do alvo almejado.

Talvez você nunca tenha jogado golfe, talvez nunca tenha nem lido sobre isso. Inclusive eu achei que nunca falaria sobre golfe, mas acredito que seria uma boa metáfora, uma vez que o mesmo milímetro que um jogador de golfe busca aperfeiçoar a cada jogada, é o milímetro que falta para você acertar sua vida.

Se você não está onde queria estar é porque errou um milímetro no passado. Se a história se repete preste atenção. Deve ter alguma coisa que você precisa aprender. E se a história não acontece por mais que você tente, atenção redobrada. Deve ter alguma coisa que falta aprender para acertar seu alvo.

Você está mais perto do que pensa. Você está a um milímetro do seu sonho, da vida que sempre quis. Só um milímetro. Por isso, preste atenção nas suas escolhas de hoje. Experimente com intensidade essa maravilhosa jornada chamada vida. Participe do seu processo de construção como ser humano e se aperfeiçoe naquilo que faz seu coração ficar radiante.

Ralph Waldo diz: “é impossível para um homem ser enganado por outra pessoa que não seja ele próprio”. Então a quem mesmo você acha que está enganando? Pare de viver no automático e faça escolhas conscientes do que quer ter no futuro. Comprometa-se com a vida e acerte o ângulo hoje. Você só precisa tomar a decisão certa que a vida é como o vento num campo de golfe, ela vai levar sua bolinha ao alvo. Lá onde a grama é mais verde, mais bonita e o melhor jogador é aplaudido.

A vida vai te levar onde você quer, se você acertar a batida. Por isso lembre-se sempre: um milímetro.

Bethania Davies

Agradecer sempre

Nada se compara a um coração grato! Um coração onde transborda gratidão não permite que os olhos, ouvidos e nem a boca se fechem diante das bençãos que caem sobre nós, muitas delas sem ao menos merecermos.

Uma das coisas que mais me revoltam, é a ingratidão! Quem somos nós para acharmos que podemos algo sozinhos? Para achar que as coisas acontecem apenas por nossos próprios méritos? Para acreditar que o nosso umbigo é tão bom assim para tudo girar em torno dele?

A ingratidão é o atestado de ignorância. Sinal claro de falta de sabedoria.

Seja humilde e reconheça cada benção que o Senhor te dá. Desde o ar que você está respirando neste momento, o calçado que você tem no pé, a comida que você come, a cama em que você dorme, as pessoas que estão a sua volta, até as novas chances e oportunidades que Ele revela para você.

Você pode demonstrar a sua gratidão à Deus reconhecendo o seu favor ao dizer “obrigado” em uma oração em voz alta, quando agradece em pensamento e quando age de forma grata com as pessoas – aquelas que você conhece e aquelas que você nunca viu antes.

Mas, lembre-se! De nada adiantam palavras de gratidão saírem de sua boca se o seu coração não é grato. O que Deus olha é o seu interior e as suas intenções. E acredite, quando Ele encontra um coração cheio de gratidão, a sua alegria e satisfação descem em forma de mais bençãos para nós.

Então, agradeça SEMPRE!

Desktop22

Plano Bê: promessa pra nós

174522_orig

Semana passada conheci uma Igreja nova e, como ouvi dizer uma vez que sempre que conhecer uma nova Igreja, as pessoas devem fazer um pedido, eu fiz o meu. Pedi pra você ser meu namorado. Sabe, eu acho que tô te querendo mesmo. Eu nunca pedi tanto pra ter alguma coisa e, desde que te conheci, peço todos os dias você na minha vida pra sempre. Na Igreja, tinha Nossa Senhora Desatadora dos Nós e eu pedi a ela que desatasse esse nó que eu fiz: você. O nó mais lindo que eu já vi. Lindo, maravilhoso, perfeito, sincero, sensacional. Um nó ao qual eu ataria todos os meus dias, minha vida inteira.

Eu prometi que voltaríamos lá pra agradecer. Desculpe, me adiantei e fiz uma promessa pra nós dois, agora você precisa me ajudar a cumprir (risos). Mas relaxa, segue só. Acredita que justamente a palavra dizia: “Buscai e achareis, pedi e recebereis…”. E no sermão eu ia ouvindo: “Vocês precisam ser inoportunos com Deus, vençam Deus no cansaço, peçam até que Deus não aguente mais ouvir sua voz…”.  Naquela hora eu sorria como uma criança em manhã de natal, porque, sinceramente, estou realizada! Se prepare, não tem pra ninguém: você vai ser meu! Acho que Deus, quando vê eu me preparando para rezar, pensa: “lá vem ela!” E lá vou eu de novo pedir você. Todos os dias. Todos os dias. TODOS OS DIAS desde que te conheci.

Não adianta, esquece, pode se entregar. Você faz um esforço enorme pra ficar longe de mim e as circunstancias estão naturalmente te trazendo pra perto. Desiste. Você vai ser meu. Meu amor, meu namorado, meu homem, meu amigo, meu tudo que você quiser. Você pode escolher. Não seja tão cabeça-dura, nem orgulhoso! Eu despejo minha alma nessa folha todos os dias pra você, sem medo. Coloquei as armas no chão e levantei a bandeira branca. O surreal venceu. O amor venceu.

Bethania Davies

Curta a página do blog no Facebook!

Foto: reprodução.

 

Plano Bê: Gratidão

Fullscreen capture 24042014 102956

Obrigada meu Deus porque eu cresci. Porque eu amadureci. Obrigada porque eu sei que não preciso colocar uma saia curta em um dia de inverno (nem verão) pra seduzir alguém numa balada e depois voltar vazia pra casa de manhã. Eu aprendi que posso usar outros atributos bem menos vulgares e mais admiráveis numa mulher.

Obrigada meu Deus pela coragem, porque quando eu falo que vou o mundo inteiro é meu, e bravura não me falta pra encarar.

Obrigada porque eu me descobri melhor do que um dia pensei que poderia ser. Obrigada porque agora faço amizades verdadeiras e só cultivo as que me fazem bem. E eu não preciso estar todo fim de semana entre várias pessoas que nem conheço direito, posando pra fotos só pra mostrar que tenho muitos amigos. Eu os tenho, mas tenho os poucos e bons. Obrigada por que eu não preciso beber pra sorrir leve, pois meu sorriso não me obedece, sai até quando quero contê-lo. Obrigada porque eu aprendi que não preciso ‘bater ponto’ todo fim de semana numa festa diferente pra pensarem que sou popular.

Obrigada meu Deus porque sou livre, de corpo, espírito e do mundo. Sou livre do mundo, sou livre de mim, livre do medo de arriscar, livre da hipocrisia de mentir pra si.
Obrigada Deus porque minha mãe me ensinou a discernir amor de destruição pessoal. E hoje, mesmo que eu ame, eu sou capaz de deixar qualquer coisa que esteja entre mim e ti, entre mim e meu sonho de ser uma pessoa sempre melhor. E assim já abandonei muitas realidades medíocres sem culpa e sem olhar pra trás.

Hoje vejo que deixar pra trás certas pessoas foi a decisão mais sábia que pude tomar. Eu tenho essa força.
Obrigada meu Deus porque eu sou chata, descoordenada, xarope, desastrada e mesmo assim tenho amigos que me amam. Eu não preciso fingir ser outra pessoa e isso é a melhor coisa do mundo: ser amado exatamente como se é.

Obrigada meu Deus pelo bom senso, pela atitude, pelos tombos, pela coragem, pela força, pela amizade, pelo dom, pela alegria. Por esses e outros sentimentos que me fizeram o que sou hoje: AMOR.

Que assim seja. Obrigada!

Bethania Davies

Foto: reprodução.