Você conhece os 4 tipos de sombras?

Sabemos que nem todas as mulheres são super antenadas quando o assunto é maquiagem. Existem aquelas que gostam mais e aquelas que não ligam muito. E se você se encaixa no grupo de quem não entende muito desse universo, esse post é pra você!

Entender um pouco sobre o básico da maquiagem vai te ajudar muito na hora de saber escolher qual tipo de make mais combina contigo e quais produtos você vai aproveitar melhor.

Neste post em especial vamos falar sobre os tipos de sombra. Sim! Existem mais de um tipo de sombra, com texturas e formas de aplicação diferentes.

Anota aí:

PÓ SOLTO

Geralmente são pigmentos, sombras iluminadoras (asa de borboleta) e brilhantes. Por serem em pó solto, elas acabam dando um pouco mais de trabalho porque podem fazer aquela sujeirinha na hora de aplicar. Elas também precisam de um fixador/primer antes para que o pó permaneça na pálpebra e ganhe melhor pigmentação.

Dicas: Faça o olho antes de preparar a pele, assim fica mais fácil de limpar qualquer sujeirinha. Além disso, você também pode aplicar com um pincel úmido, assim a sombra fica mais pigmentada.

COMPACTA

É a sombra em pó, só que compactada (durinha). É o tipo de sombra mais conhecido pelas mulheres porque são aquelas que estão nas paletas. Ela não desperdiça tanto produto na hora de usar. A aplicação fica melhor quando realizada com um pincel de cerdas mais juntinhas (os mais fofos são para esfumar) ou com as esponjinhas de sombra.

Dicas: Molhar o pincel antes também ajuda a aumentar a pigmentação da cor.

CREMOSA

Apresenta uma textura um pouco mole, parecida com mousse e pode ser aplicada com a ponta dos dedos. Ela se espalha com mais facilidade e também realça mais a cor da sombra.

Dicas: As sombras cremosas também funcionam como primer/fixador para as sombras soltas ou compactas.

LÍQUIDA

É a menos conhecida, pois é uma novidade no meio das sombras. Ela tem secagem rápida e por isso deve ser aplicada e logo esfumada. A melhor forma de aplicar é com os dedos, dando batidinhas.

Dicas: Se a sua pálpebra tiver dobrinhas, esfume bem a sombra para não acumular.

Fotos: reprodução.

Temporada do maiô

Já tem algum tempo que os biquínis estão disputando espaço com os maiôs!

Quem diria que a tradicional roupa de banho das vovós ia se tornar a queridinha do beachwear, né? E o sucesso é tanto, que além de conquistar as areias também ganhou os looks do dia e da balada.

Os modelos são mais variados e estilosos possíveis! Tem com estampa, liso, cavado, com recortes estratégicos ou mais comportadinho.

Na dúvida de não saber qual investir, tem algumas dicas bem valiosas para ajudar:

1. Leve em consideração o seu tipo de corpo

Escolha um modelo que vai valorizar a região do corpo que você quer que destaque e disfarce a parte que você não quer que aparaça tanto.

2. Prefira qualidade

As vezes investir um pouco mais numa peça que seja de boa qualidade é melhor porque traz uma maior segurança na hora de usar e é uma garantia que a peça vai durar por várias temporadas.

3. Tenha um maiô versátil

Assim como no guarda-roupa, o básico na moda praia também é infalível. Com um maio liso e de cor neutra você tem um visual bacana garantido!
Fotos: reprodução.

Como será sua colheita em 2018?

2017 terminou. Foram 365 dias de aprendizados, experiências, superações e conquistas. Posso dizer com toda a fé que até aqui nos sustentou o Senhor com o seu infinito amor e sua maravilhosa graça.

Gosto de pensar que o mais importante não é como se inicia, mas como se termina. É isso que vai fazer a diferença! Muito daquilo que plantamos nos anos anteriores, nós colhemos em 2017.

Como será a sua colheita em 2018?

Pode ser que não seja do jeito que você gostaria que fosse, mas não desista. Decida agora melhorar as suas sementes para que nos próximos anos você possa colher aquilo que mais deseja.

Lembre-se de que quem vai determinar quais sementes serão plantadas será você, 2018 é apenas o solo fértil. Não espere dos próximos meses, espere de você mesmo.

Deus está nos abençoando com mais uma oportunidade, vamos agarrar com todas as nossas forças! ❤

Guia de inspirações para a virada

Faltam poucos dias para o reveillon e você já pensou no seu look?

Mesmo que você curta a virada em casa, sem festa ou evento especial, vale se arrumar para começar o ano com a autoestima lá em cima!

Fiz uma seleção de inspirações com propostas diferentes seja para quem vai festejar na cidade ou na praia, para quem quer uma produção mais glam ou então mais básica e despojada.

Além do clássico e tradicional branco, você tem a opção de apostar nas demais cores, nas estampas e texturas diferentes. Nessa data, é legal brincar com as tendências e com as peças que são a nossa cara.

Independente da roupa que você escolher, lembre de vestir também o seu coração com muita paz, amor e fé! Assim, não importa onde, você estará sempre linda! 😉

Fotos: reprodução.

Um slide para chamar de seu

Estamos há poucos dias de começar oficialmente o verão, mas as temperaturas já subiram faz tempo!

Nessa temporada as tendências fresh and comfy reinam no steet style. Afinal, para aguentar esse calorzão, apenas com looks leves, práticos e confortáveis mesmo.

É por isso que se até agora você estava resistindo aos slides, chegou o momento de se render!

O slide é um tipo de chinelo que foi muito usado entre os anos 80 e 90. Sua principal característica é ser muito confortável, esse foi o principal motivo que o tornou tão popular naquela época (e nem eram tanto – e eu diria até que nenhum pouco – bonitos). É um chinelo super despojado!

Dessa vez os slides aparecem com uma pegada mais moderna e fashionista, porém sem perder o toque vintage. Eles deixam qualquer look mais cool e cheio de atitude na hora.

O modelo básico é curinga! Neutro combina facilmente com qualquer produção, além de garantir um hi-lo super interessante quando usado com peças mais elegantes. Mas tem também as versões mais descoladas com aplicações, brilho e outros detalhes nada discretos. Esses são ótimos para brincar com o visual e fazer uma combinação nada óbvia!

Fotos: reprodução.

A cor oficial de 2018

Finalmente foi revelada a cor que receberá o título de cor oficial de 2018!

A escolha é feita anualmente pelo instituto Pantone Color, com base em estudos sobre o que está em falta no cenário atual do mundo e consequentemente na vida das pessoas.

E para 2018 a cor eleita foi o Ultra Violet. Uma tonalidade de roxo púrpura que tem um fundo azulado

O ano de 2017 foi marcado pelo verde Greenery que tinha a proposta de nos aproximar mais da natureza e renovar nossa esperança. Agora é a vez de experimentarmos uma sensação nova que estimula a nossa criatividade, nos tira do conformismo e nos impulsiona a ir além.

Segundo a diretora executiva do instituto, Leatrice Eiseman, o Ultra Violet traz a inspiração que precisamos para este novo ano:

“Vivemos em tempos que precisam de criatividade e imaginação. É esta energia criativa e inspiradora que nos traz a cor indígena PANTONE 18-3838 Ultra Violet, um roxo resultante do azul escuro, que eleva nossas expectativas aos mais altos níveis.”

Eu amei a escolha! Achei super original e inspiradora!

E você, o que me diz? 🙂

Fotos: reprodução.

 

7 Hábitos que prejudicam o cabelo

Um cabelo bonito está totalmente relacionado a um cabelo saudável e bem cuidado. Mas estes cuidados não se resumem apenas a usar máscaras de hidratação e fazer outros tratamentos capilares. De nada adianta gastar horrores no salão se na nossa rotina estamos tendo hábitos que acabam danificando o nosso cabelo.

Geralmente são coisas simples, que parecem inofensivas e que muitas vezes nem nos damos conta que fazemos. Porém depois de ler este post, você vai dar adeus a estes velhos e maus hábitos!

  1. DORMIR DE CABELO MOLHADO

Quem nunca deixou para tomar banho tarde e foi dormir com o cabelo molhado? Pois é, isso faz muito mal para a saúde do couro cabeludo.  A umidade na região facilita a proliferação de fungos e bactérias, que podem causar a queda e a quebra dos fios.

  1. FALTA DE PRODUTOS

Não podemos pular nenhuma etapa na durante e depois de lavar o cabelo. O shampoo irá limpar o couro cabeludo de toda sujeira e oleosidade e abrir a cutícula do fio. A máscara irá penetrar neste fui para repor a água, a massa ou os nutrientes que o cabelo preciso. Já o condicionador irá fechar a cutícula do fio para não permitir que esses elementos vão embora com a água. Depois de lavar, vem a parte do creme de pentear que ajuda a controlar o volume e alinhar os fios, além de auxiliar na hidratação e na proteção contra agentes externos.

  1. PRODUTOS EM EXCESSO

Se por um lado deixar de usar um (ou mais de um) dos produtos citados no tópico anterior é prejudicial, usar em grande quantidade também é! O excesso de produto faz os fios ficarem pesados, oleosos, fragilizados e quebradiços.

Passar muitas vezes o shampoo, por exemplo, pode retirar a oleosidade natural do couro cabeludo e fazer com que ele produza muito mais. Além disso, o shampoo não precisa ser usado no comprimento e nas pontas, a espuma que escorre pela raiz já é o suficiente. Já o condicionador deve ser aplicado apenas nas pontas, nunca na raiz.

  1. FICAR SEM CORTAR

Não precisa cortar um palmo do cabelo, mas a cada 3 meses tirar pelo menos as pontinhas é recomendado para eliminar as postas duplas e fazer com que os fios cresçam mais fortes.

  1. PRENDER MUITO FORTE

Fazer um penteado super preso é lindo e poderoso, claro. Mas tenha cuidado na hora de puxar os fios para não acabar arrancando e nem prendendo muito forte. Isso pode quebrar e até cortar os fios.

  1. ESQUECER O PROTETOR TÉRMICO

Usar secador, chapinha e babyliss sem aplicar um produto com proteção térmica antes, é extremamente prejudicial para o cabelo. Sem a proteção os fios ficam super expostos ao calor e consequentemente perdem massa capilar, nutrição e hidratação. Além disso, os fios ficam opacos, fragilizados e porosos.

7. USAR SEMPRE O MESMO PRODUTO

Quando utilizamos o mesmo produto por muito tempo, o cabelo acaba acostumando e o produto já não tem mais o mesmo efeito. Por isso é sempre bom intercalar com outro diferente, mas que tenha a mesma finalidade.

Vale lembrar que é essencial utilizar produtos que sejam específicos para o seu tipo de cabelo. Somente assim você vai conseguir tratar os seus fios da maneira certa e ter um cabelo bonito e saudável.

 

 

Mais uma calça cropped da moda

Em meio ao auge da pantacourt, eis que uma velha amiga que fez sucesso nos anos 90 retornou para dividir os holofotes. Sabe de quem eu estou falando? Da calça capri!

É um modelo de calça cropped que vai até um pouco abaixo do joelho. Naquele espaço que a difere de uma bermuda e de uma calça comprida. Se comparada a pantacourt, ela é mais justa e mais reta. Podemos até dizer que a capri acaba sendo uma opção de calça mais básica e democrática. Perfeita para as mulheres que não se adaptaram muito bem a moda da pantacourt.

Nesta temporada, você vai encontrá-la tanto em modelos mais casuais no jeans, quanto em versões mais elegantes em tecidos de alfaiataria. As opções de cores e estampas também são bem diversas para combinar com todos os estilos.

É uma peça super versátil, que não tem restrição na hora de combinar.

Inspire-se!

Fotos: reprodução.

eu amarelo, tu amarela, nós amarelamos!

Nada de look boring! Xô depressão! Nossa temporada tem tudo para ser muito alegre e repleta de amarelo.

Essa cor super solar que tudo a ver com o verão, é uma das grandes tendências de cores do momento. Uma aposta bem viva em meio ao reinado dos tons pastel. Que aliás, vale para decoração também!

Como não é uma cor muito fácil de agradar, separei três dicas de como inserir o amarelo no look aos poucos até se render por completo à tendência:

1. AMARELO NOS DETALHES

Para ir se acostumando com a cor, você pode optar por acessórios amarelos. Um toque de cor vai dar um up na produção sem chamar muita a atenção.

2. UMA PEÇA AMARELA

O próximo passo é escolher uma blusa, uma calça ou a peça que você preferir que seja de cor amarela. E dai é só combinar com outras peças de tons mais neutros para equilibrar o look.

3. SÓ AMARELO

Essa é a hora de colocar o amarelo para jogo mesmo! Os looks monocromáticos estão super em alta e por que não unir duas tendências? 🙂

Independente da escolha feita, uma coisa é certa: com amarelo não tem como a vibe não ficar alto astral!

Fotos: reprodução.