Plano Bê: Berço Mineiro

foto

Por aqui é tudo simplezim, mas é de coração. Um bom dia é convite pra um pão de queijo e, cê quer café? É, a qualquer hora do dia, convite pra um bom causo.

Aqui o passageiro abençoa o taxista e deseja tudibão a ele e a família dele inteira ao desembarcar. Um cadim de amor em qualquer coisa acredite, não é pouco. A maior preocupação pós-almoço é massá o pão de queijo. Deus tenha pena de sua alma se vier aqui e não provar o pão de queijo!

Terreiros de secar café, já não têm mais aqueles dias dourados de cafezais vistosos e braços de escravos revirando grãos dia e noite em seu leito. É uma pena, mas continuam lindos como vi na TV e me sugerindo, a todo instante, um passado histórico que me pertence.

Reza a lenda que, quem entrasse no quilombo e não pedisse a benção ao preto velho, adoecia e a vida começava a entulhar de coisas ruins. Bom, por via das dúvidas, já que estou em território alheio e não sou besta: “O senhor me dê licença que tô entrando e me abençoe, por favor.” Estou com sorte e ainda não fiquei doente. Alguém deve ter me ouvido.

Por aqui os alumínios da cozinha são ariados, como dizia minha avó, e brilhantes de se espelhar. Um trem cabe em qualquer lugar: tem um trem no meu zóio; vamos lá buscá aquele trem; tem algum trem pra comer? Aqui o frango não é caipira, é sertanejo.

Pedro por enquanto até Maria chegar é o nome de gente e dou fé!  É um senhor o qual a mãe esqueceu-se de ir ao encontro do pai no cartório, na hora combinada, pra terminar o registro do menino.

Folia de Reis não é só de reis, é de todo mundo. Aqui a alegria é compartilhada, os risos são sem enfeites e de graça, sem cerimônia. Ô povinho feliz minha gente! Eu ia pensando nisso, escrevendo e ouvindo de leve um som trazido pelo vento: “[…] ô Minas Gerais, quem te conhece não esquece jamais”.

Bethania Davies

2 thoughts on “Plano Bê: Berço Mineiro

  1. Que texto lindo esse! Eu, mesmo morando há tantos anos na Europa, guardo comigo a minha mineiridade! E todas as vezes que volto para visitar meus pais e amigos é sempre assim: essa hospitalidade, essa simplicidade que conquista e envolve… Oh, Minas Gerais…

  2. Olá Jair… muito obrigada pleo elogio!! Fico feliz que minhas simples palavras tenham despertado em você essa lembrança gostosa de Minas.. Meu pai é minero então, já viu né? Eu não podia conhecer Minas e não escrever nada, lugar maravilhoso cheio de gente maravilhosa.. Grande Abraço 😀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s