Plano Bê: amor próprio

Captura de tela inteira 09012014 125816Não sou pessoa de olhar pra trás, mas me ocorreu hoje contar nos dedos a quantidade de enganos aos que atamos nossa vida. Faltaram dedos. O quanto você faz planos e declarações de amor pra pessoas que são seu oposto. O quanto Deus, sendo ele o grande conhecedor da alma do homem, deve ficar enfurecido com as burradas que você insiste em cometer. Só hoje você vê que não daria certo nunca, e o quanto definitivamente vocês não combinavam em nada. Se não dá certo, não insiste. Não se gasta energia com coisas que já começam com o fim decretado. Tão importante quanto encontrar o amor da sua vida é saber identificar, com clareza, quem não é o amor da sua vida. Simples assim, sem crise, sem choro. Não é ele e ponto.  Deixe ir, não tenha medo dos fins de tarde, do dia dos namorados ou do pôr-do-sol solitário. Mais do que sentir a alma lavada, você irá descobrir que é uma ótima companhia para si mesmo. Goste do seu silêncio, aprecie sua companhia, faça bem a você, leia um bom livro e (super clichê, mas,) ame-se antes de tudo. O amor sempre estará te esperando, em uma esquina qualquer ou no meio do nada. O amor vem, mas só quando você aprender sobre amor e sobre o valor das suas lágrimas. Ninguém se apaixona por pena, nem decide ficar por desencargo de consciência. Ninguém. O bonito é gente que se valoriza, que brilha, que acredita, que não tem medo da chuva e que sorri sem medo. Não procure pelo amor dos outros, ele só vem quando você achar que não precisa dele pra ser feliz, quando tiver a certeza de que seu amor próprio é grande o suficiente.

Bethania Davies

3 thoughts on “Plano Bê: amor próprio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s